DESTAQUE

Siga nas Redes Sociais:

AUTISMO- SINAIS DE ALERTA!

Que Sinais Observar?

autismo - sinais de alerta!
Pequenos sinais que podem dizer muito, se soubermos o que estamos procurando!


      O Autismo é um universo a ser desvendado, e sinceramente, isso é assustador! 
    Porém a medida que se convive dentro desta realidade, alguns sinais de alerta se tornam bem familiares.
    Por isso é bem frequente que uma mãe ou pai de criança com autismo, perceba os sintomas em uma criança que lhe é desconhecida, sem que nada seja dito.

Inexperiência Quando Meu Filho Nasceu

      Mas bom teria sido para mim, se eu soubesse algumas coisas no início...
      Hoje quando relembro de Pedro Henrique bebezinho, vejo como os sintomas de alerta foram claros e por inexperiência, não dei atenção devida.
      O autismo é um transtorno do desenvolvimento neurológico, que tende a se estender por toda a vida do indivíduo. De um modo geral, causa dificuldades da pessoa se relacionar com o mundo a sua volta, pois afeta a  socialização, a comunicação e o comportamento. 
     Cada indivíduo é afetado por este transtorno  de maneiras diferentes, porem os  comportamentos repetitivos, mais conhecidos como estereotipias; e a necessidade de uma rotina fixa, são características presentes neste transtorno.
      Claro que isso só é percebido ao longo dos anos. Mas tudo na vida tem seus primeiros sinais, e com o autismo não é diferente.
              Existem alguns detalhes que se forem observados com atenção podem ajudar os pais a procurar ajuda mais cedo:

SINAIS DE ALERTA:

  • O bebê não te olha enquanto é amamentado, tem o olhar perdido;
  • Não se incomoda com colo de estranhos, qualquer colo está bom;
  • Choro ininterrupto ou apatia em excesso;
  • Ausência de fala;
  • Não responde quando chamado pelo nome, parece que é surdo;
  • Não dá tchau;
  • Não manda beijo;
  • Não apontar para objetos mostrando interesse (por volta dos 1 ano e dois meses);
  • Não brincar a jogos do “faz de conta” (por volta dos 2 anos);
  • Gosta de ficar sozinha;
  • Se ao invés de conversar sempre a repetir palavras e frases (ecolalia);
  • Dar respostas desconexas às perguntas;
  • Fica aborrecido com coisas insignificantes;
  • Ter interesses obsessivos;
  • Utiliza os brinquedo de modo diferente do normal;
  • Abanar (sacudir) as mãos, balançar o corpo, ou rodar em círculos;
  • Abre e fecha portas e gavetas, sem um propósito específico, como se fosse apenas para observar o movimento das mesmas;
Se você notar várias destas atitudes, podem ser indícios de autismo.  Neste caso do ideal é procurar por um neurologista, para que possa ter um parecer profissional.

Comentários